domingo, 29 de abril de 2012

Happy Woman, Cosmopolitan, Máxima ou Activa? Qual a tua preferida?

Olá a todos mais uma vez!
Hoje estou aqui com o intuito de vos mostrar as minhas revistas preferidas, aquelas que não dispenso por mais meses que passem ou por mais antigas que sejam.
Adoro especialmente a Happy Woman. Gosto muito de todos os artigos e conselhos de beleza, moda e decoração que tem!
E para quem não sabe, eu sou louca por decoração, em especial de interiores! = )









Ficam aqui as minhas meninas, que acham delas? 
Qual a vossa preferida?
Beijinhos para todos e boa semana! ; )

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Why?


Hoje é um dia especial. Especial não significa ser bom. É um dia diferente, não por terem acontecido coisas diferentes dos outros dias mas sim porque eu me sinto diferente. Sinto-me mal com alguns pensamentos que tenho, sei que vão magoar ou podem magoar alguém, se esse alguém souber o que estou a pensar e a sentir. Às vezes duvido do que estou a sentir. Meto em questão tudo aquilo que até agora tinha tanta certeza de ser verdade. Sinto-me mal por isso. Acho que estou a fazer mal a mim e aos outros. Não sei se lhes estou a mentir, não sei se estou a mentir a mim mesma, mas sei que não me sinto bem com o que sinto. Deveria estar de bem com a vida. Nada de mal está acontecer nada de novo está a surgir. Simplesmente estou quase a mudar o rumo de uma parte da minha vida. Mudar não significa que essa mudança seja necessariamente má, antes pelo contrário. Se as pessoas mudam é porque sabem que estavam a fazer algo mal e querem mudar isso. Há já algum tempo que não sinto falta das pessoas que me rodeiam. Não lhes vou dizer isso, sei que as pode magoar. Mas é o que eu sinto. Não sinto a falta de ninguém porque estão bem presentes na minha vida e no meu dia-a-dia, e mesmo que não estejam presentes todos os dias então é porque não me importo muito com eles. Infelizmente vivo com alguém de quem já não gosto muito, de quem já não sinto falta nenhuma, de quem já não me mete medo, de quem já não tem muita importância na minha vida. Aos poucos estou a desabituar-me ter essa pessoa na minha vida, simplesmente porque não quero que ela faça parte dela. Dizem que tem que fazer parte dela porque é muito próximo de mim, eu não penso assim. Estar presente todos os dias e ter preocupação com alguém não significa que a outra pessoa tenha que gostar de nós e muito menos que teremos uma divida para com ela, ou por ela gostar de nós e nós não, ou por ela nos fazer favores e nós não querermos retribuir. Se me fazem um favor então é de boa vontade, não é suposto pedirem nada em troca. Mas se eu achar que a pessoa merece uma recompensa, não tenho problemas nenhuns em dá-la. Não acho que tenho de sentir a falta de ninguém só porque estou muito próxima dessa pessoa, antes pelo contrário. Se estou muito tempo com essa pessoa começo a chatear-me, fica tudo muito aborrecido. Eu não gosto de alguém que esteja sempre em cima de mim, a agarrar-me como se eu fosse um prémio ou um objeto que lhe pertence. Antes pelo contrário. Sou uma pessoa que se apega às coisas com o tempo e com as características que essas coisas têm. Nada é forçado, porque se for eu já não vou sentir a mesma força de me apegar aquela coisa. Sinto-me mal porque sei que em breve vou sentir falta de uma pessoa muito especial para mim, mas agora não sinto porque passo demasiado tempo com ela. Eu considero demasiado, pelo menos. O mais estranho é que quando estou com essa pessoa não me importo de la estar e sinto-me bem, mas quando não estou com ela não sinto a sua falta. Não é estranho? Mas porque é que isto acontece?

Pulseiras do Bonfim, afinal dão sorte ou azar?

Olá a todos mais uma vez!
Antes de mais quero agradecer aos bloggers, pois ultimamente tenho conseguido muitos seguidores. = )
Talvez tenha apanhado o jeito para fazer publicações, talvez a mudança de visual de blog seja mais apelativa, não sei.
A verdade é que tenho mesmo que agradecer, pois tenho tido muitas visitas e muito mais comentários aos meus posts. = )
Agora vamos falar de outras coisas...
Há cerca de 2 anos, no fim do Verão, fui ao Brasil com o meu pai, e como toda a gente sabe além do calor característico de lá existem também aquelas famosas pulseiras do Bonfim que dizem dar sorte.
Pois bem, como essas pulseiras são de lá, se as comprarmos lá são mais baratas que noutros sítios obviamente.
Então quando lá fui trouxe cerca de 20 pulseiras, uma de cada cor! Não resisti!
Mas a questão que vos quero colocar é mesmo, acreditam que aquelas pulseiras dão sorte?
Acreditam que não se devem cortar depois de meter no pulso, mas sim deixá-las partir pois se as cortássemos isso significaria ter 7 anos de azar?
Melhor ainda, vocês são supersticiosos? E já agora qual a vossa cor preferida?


Fico á espera das vossas respostas!
Beijinhos para todos! ; )

terça-feira, 24 de abril de 2012

Relógios? No pulso esquerdo ou direito?

Olá a todos mais uma vez!
Hoje é o feriado da liberdade, pelo menos para mim.
Este dia significou muito para o país e continuou a dar os seus frutos.
É bom saber que ele ainda cá está bem presente nos nossos dias e que tudo no passado não foi em vão.
Mas o que me trouxe aqui hoje foi os relógios.
Para quem não sabe eu sou louca por todo o tipo de relógios, em especial grandes e coloridos!
Mas sempre tive uma questão bem presente...
Sempre me disseram que se usam no pulso esquerdo, mas porque não no pulso direito?
Nunca me responderam a tal pergunta.
Quando era mais pequena sempre os usei no pulso direito, até que quando cresci um pouco a minha mãe me disse que se usavam no outro pulso e comecei a usá-los do outro lado.
Mas porquê?
Além disto tenho outra mania que faço algumas vezes.
Como no Inverno está sempre muito frio e tenho sempre muita roupa não gosto de os usar então uso-os a maioria das vezes no resto do ano, o problema é que como estou habituada fica a faltar-me sempre alguma coisa durante o dia!
Também vos acontece?

Aqui ficam os meus relógios que me acompanham para todo o sitio!




Espero que tenham gostado deste meu post!
Já agora de qual gostaram mais?
Beijinhos para todos! ; )

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Baile de Finalistas 2012

Olá a todos mais uma vez!
Tenho que vos pedir desculpas, pois estes últimos dias não tenho feito publicações.
A verdade é que estive com as pessoas que mais gosto e desliguei-me um pouco do mundo da net.
Mas hoje estou aqui para vos contar como foi o meu Baile de Finalistas.
Eu adorei, e apesar de algumas surpresas inesperadas a companhia superou tudo!
Deixo-vos aqui um cheirinho do que foi aquela noite maravilhosa e tão bela para mim.
Obrigado a todos aqueles que estiveram comigo durante 3 anos da minha vida! Muito obrigado. = )





















Espero que tenham gostado desta publicação!!
Gostaram do meu look? = )
Beijinhos para todos! ; )

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Isto é mesmo um cabide?

Olá a todos mais uma vez!
Hoje venho aqui para vos mostrar um cabide muito original que me deram há já alguns meses.
Nunca o usei, mas acho que dá muito jeito para todas as mulheres em especial para quem tem sempre malas gigantes!
Pois é, este cabide (que fechado mais parece uma pulseira estranha ou algo do género), foi-me dado pelo meu pai quando fez uma viajem até á Madeira-Porto Santo.
Para quem não sabe, ele viaja praticamente todos os anos (dentro ou fora de Portugal) e quando não vou com ele traz-me sempre alguma coisinha dos sítios onde vai.
Ultimamente com esta crise, não temos viajado muito mas não me posso queixar! Já fui a muitos mais sítios e já saí de Portugal muitas mais vezes que muita gente!
Para terem uma ideia das minhas viagens posso dizer-vos onde já fui: Madeira 2x, Brasil 2x, República Checa 1x, Cabo Verde 1x e finalmente Espanha 2x.
Mas hoje não venho cá falar das minhas viagens, isso fica para outro dia!
Se quiserem depois conto-vos tudo. ; )
Em relação ao cabide é muito fácil de usar. Mete-mo-lo dentro da mala, leva-mo-lo connosco, abri-mo-lo e vóila! Temos sempre sitio onde meter a nossa mala! Mesmo quando as cadeiras não têm umas costas que sirvam para a meter ou que nos sentemos num banco! Muito prático, não acham? 
Agora apreciem este belo cabide, que nos dá jeito de vez em quando.



Espero que este cabide vos tenha despertado a curiosidade!
Gostaram dele?
Beijinhos para todos! ; )

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Qual é a coisa qual é ela que se mete no pescoço, e dá um toque final ao nosso look?

Olá a todos mais uma vez!
Hoje venho aqui mostrar-vos os objetos que dão um toque final ao nosso look, os colares.
Não uso muito, mas sempre que posso uso um. Grande ou pequeno, largo ou estreito, bonito ou feio, não interessa, dão sempre um toque final e uma graça. = )


Este colar para dizer a verdade nunca o usei, mas gosto muito dele e não tenho coragem de me desfazer dele.




Estes colares são os meus preferidos. Uso-os muitas vezes pois dão com praticamente todos os looks. E eu adoro colares simples e compridos! ; )


Este colar também nunca o usei, mas guardei-o com muito carinho. Gosto dele, não sei porquê. Tem uma forma diferente de todos os outros que tenho. = )



Este é um colar mais pequeno, em termos de tamanho e largura. Gosto muito dele, mas também nunca o usei. Mas tem qualquer coisa especial que não me deixa desfazer dele. Acho que me servirá para um dia usar com alguma roupa que surja diferente das que costumo usar. = )



Estes colares foram-me dados. Também nunca os usei, mas gosto muito deles.



Estes colares são dos meus preferidos e eu uso-os bastante. Ficam bem com muitas das roupas que costumo usar.





Estes colares são simples, mas dão um toque especial e bonito ao meu look. Uso-os para os casamentos ou festas importantes, e até agora nunca me deixaram ficar mal! ; )



Estes são colares curtos que eu já não uso tanto, mas gosto muito deles e de vez em quando vou á minha caixinha e encontro-os lá. Dá-me logo vontade de os levar comigo! = )


Espero que tenham gostado deste meu post!
Gostava de saber a vossa opinião sobre este objeto que nem todos gostam de usar.
Beijinhos para todos! ; )